Na década de 70, surgiram os grandes  pilotos que são considerados até hoje as feras lendárias do automobilismo. Claro, além de serem pilotos, todos tinham suas famílias e alguns até filhos. Em alguns casos, a paixão pela velocidade e adrenalina passaram para seus filhos, foi o que aconteceu com Nelsinho Piquet.

Já dizia o mestre Sid “o capacete é a outra face do piloto”, alguns filhos optam por deixar o seus capacetes com alguns traços que lembram os capacetes de seus pais. Não é apenas lindo, como também reforça o amor e orgulho que os filhos têm de um pai piloto.

Se você acompanha algum deles, provavelmente você já deve ter percebido que certos detalhes dos seus cascos são bem fáceis de reconhecer a origem, outros já são imperceptíveis. 

No episódio de hoje, contaremos a história dos detalhes por trás do capacete de Nelsinho Piquet, filho do grande Nelson Piquet que também optou por seguir o legado do seu pai. 

Apertem os cintos e vamos nessa!

Nelson Piquet e seu filho

A nova geração de pilotos

Quem é fã do automobilismo desde a época de 70, com certeza irá lembrar dos momentos emocionantes de Nelson Piquet, Ingo Hoffmann, Paulo Gomes e Chico Serra que foram os maiores pilotos daquela daquela época.

Nossa equipe teve a honra de trabalhar com alguns deles, e hoje quase 50 anos depois, nós temos a honra de levar a mesma satisfação para seus filhos e netos. 

O capacete de Fittipaldi, filho do piloto Emerson Fittipaldi produzido por Alan Mosca

O capacete personalizado de Nelsinho Piquet

O casco de Nelson Piquet ficou marcado pelas famosas “gotas” feitas com muito carinho por Sid Mosca. Nelson Piquet Jr. mais conhecido como Nelsinho Piquet, optou por ter uma pintura mais parecida possível com a de seu pai, com detalhes diferentes. 

O piloto também queria inovar, então decidiu fazer o mesmo capacete só que com cores diferentes, então existe uma grande variação de cores e detalhes que podem fazer a diferença na hora de alguma ocasião.

O tradicional (e preferido de Alan Mosca) é o branco com gotas fluorescentes:

O capacete de Nelsinho Piquet

O outro filho do piloto, Pedro Piquet também optou por ter um design que lembrasse o capacete de seu pai. 

Nelsinho Piquet

A tradição até hoje é mantida

Acredite, o fato de um piloto ter um capacete parecido com o de seu pai até virou tradição. Alguns preferem começar com algum igual e ao longo dos anos ir alterando os detalhes.O capacete de Nelsinho, possui exatamente o mesmo detalhe do capacete de seu pai.

Depois disso, as linhas do capacete de Nelson que simulavam bolas de golf, ganharam ainda mais destaque quando Sid decidiu pintar três gotas, deixando o capacete ainda mais incrível.

Nelson Piquet

Esse momento marcou a vida de Sid e tornou o casco um de seus capacetes preferidos. Por isso, i a porta de entrada para que outros pilotos vissem o seu lindo trabalho e isso também permitiu que aerografista se tornasse um grande amigo do piloto. 

O piloto tinha suas manhas para conquistar o primeiro lugar nas corridas que ele participava. Ele sempre falava que o carro tinha que andar em alta velocidade em linhas retas e na curva ele precisava “se virar”, ou seja, dar o seu jeito de passar pela curva e fazer um movimento perfeito.

Nelson Piquet era fera! Com suas histórias e o seu grande profissionalismo hoje tem o seu legado mantido por seus dois filhos que seguem os seus passos. Podemos afirmar que Sid teve a maior honra de ter feito parte da história do grande piloto. 

A história de hoje, foi mais uma lembrança da Sid Special Paint contada com muito carinho por Alan Mosca. Você pode assistir na íntegra a entrevista onde Alan conta tudo isso (e mais um pouco):

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *