Cloacyr Sidney Mosca, mais conhecido como Sid Mosca, foi um aerografista brasileiro que customizava carros e capacetes de grandes nomes do automobilismo, assim dando início a Sid Special Paint.

Mas antes disso, Sid não fazia ideia do que ainda estava por vir em sua história. Ele pintou diversos carros de corrida para poder chegar, enfim, nos capacetes – o que o tornou mundialmente reconhecido. 

Foi assim que a nossa história começou: por um acaso da vida. Sid, infelizmente nos deixou em 2011, mas temos a certeza que ele deixou um legado gigante através de sua arte, criatividade e persistência.

Podemos dizer que Sid, de fato, criou uma nova Era no Automobilismo, pois foi ele quem percebeu que o capacete já não servia apenas para proteção, mas sim, para levar a marca de um piloto e a extensão de seu corpo nas pistas.

Ayrton Senna, Mika Häkkinen e Michael Schumacher, foram 3 dos pilotos que tiveram seus produtos customizados por Sid, desde carros de passeio, carros de corrida e os tão famigerados capacetes

Sid sempre dizia que o capacete era a extensão de seu corpo, mas você sabia que ele nunca pensou em trabalhar com a customização de capacetes? 

Sid nos deixou em 20 de Julho de 2011, mas deixou um belo presente que é a sua marca, Sid Special Paint. Neste artigo, vamos te contar o início da magnífica história da Sid Special Paint de um jeito que você nunca ouviu. Vamos nessa?!

A nossa história começa aqui

Sid era funileiro e tinha sua pequena oficina de funilaria e pintura, mas tinha um grande hobby: corridas automobilísticas. 

No ano de 1973 ele já era bastante conhecido no meio automobilístico por suas aerografias em carros famosos, como a Brasilia de Ingo Hoffman, mas seu trabalho não passava de customização carros. 

https://www.instagram.com/p/CLc0wBhI3H2/?utm_source=ig_web_copy_link

Quando mais categorias foram chegando no Brasil, mais pilotos estavam nas pistas para disputarem os títulos e todos eles tinham um desejo em comum: destacar seus carros. Foi aí onde, muitos deles, começaram a procurar por Sid Mosca. 

Sid começou a ficar muito famoso por suas aerografias: pintou carros para a Super V e Fórmula Ford, e acredite, a funilaria de Sid que cabiam apenas 2 carros por vez, não estava mais dando conta! Sid teve que procurar por um espaço maior para continuar o seu trabalho e acabou achando um lugar que cabiam até 7 carros por vez! Mas um dia, tudo mudou…

O primeiro capacete da história da Sid Special Paint

Todos da equipe estavam a todo vapor, e um dia Benjamin Rangel deu um “empurrãozinho” no destino de Sid. 

Benjamin, mais conhecido como Biju, certo dia chegou na funilaria de Sid e pediu para ele customizar o seu capacete. Ele queria ter um capacete diferente dos outros competidores, simples assim. 

Sid ficou meio pensativo, se perguntando se deveria pintar ou não, porque ele mesmo sabia que o seu foco era somente a pintura de carros, especificamente.

Sid então aceitou a proposta de Biju e customizou seu capacete! Desafio aceito! E para que o trabalho valesse a pena, Sid Mosca cobrou um valor “bom”, e Biju aceitou sem questionar e reclamar. 

Sid por algumas horas ficou pensativo olhando para o capacete cru, mas depois voltou para o seu trabalho, a pintura dos carros. 

Alguns dias depois, Biju voltou na funilaria com um amigo, e esse amigo também queria ter o seu capacete customizado. Foi aí que Sid olhou para a parte comercial de seu negócio e teve a certeza da preciosidade de seu trabalho.

Sid Mosca precisava de mais um empurrãozinho

Depois que Sid percebeu que lucrou bastante com os capacetes, ele então decidiu investir nesse tipo de customização e começou a divulgar o seu trabalho com mais força, já que naquela época os capacetes eram simples, sem nenhuma marca, servindo apenas como objeto de proteção.

Sid já havia pintado a Brasilia de Ingo Hoffmann, e os dois já tinham uma certa amizade devido aos trabalhos anteriores. Foi quando Sid Mosca ofereceu seus serviços mais uma vez, mas desta vez, era para dar uma cara nova em seu capacete de proteção. Hoffmann topou customizar o seu capacete! 

Capacete customizado de Ingo Hoffmann em 1974.
Capacete customizado de Ingo Hoffmann.
A Brasilia de Ingo Hoffmann em 1974.

Em 1975, quase um ano depois do capacete ficar pronto, Ingo Hoffmann foi disputar uma corrida na Europa, e quando voltou, disputou mais uma corrida, mas dessa vez aqui no Brasil. 

Nesta corrida, todos os pilotos ficaram encantados com a perfeição de seu capacete, que também disparou o coração de Emerson Fittipaldi. Emerson achando que o capacete havia sido customizado na Europa, perguntou para Hoffman onde ele havia feito aquela customização e Ingo disse que a customização havia sido feita em Santo Amaro (SP). Nesse momento, Fittipaldi ficou cheio de esperanças em ter um capacete customizado exclusivamente para ele. 

Ingo Hoffmann, a pedido de Fittipaldi, telefonou para Sid, e disse: “Olha, o Emerson Fittipaldi quer te conhecer.”Não sabemos ao certo quem foi ao encontro de quem, mas os dois se conheceram pessoalmente. Nesse encontro, Emerson disse para Sid que queria um capacete, mas disse para Sid ir com calma na pintura, já que estava com muito medo do resultado. Naquela época, Emerson tinha uma orientação de que não poderia utilizar a cor preta, já que Ingo já tinha um capacete no tom escuro.

Certos dias depois, o capacete de Emerson finalmente ficou pronto, e ficou perfeito, como mostra na foto abaixo!

Capacete customizado de Emerson Fittipaldi.
Piloto Emerson Fittipaldi.
Capacete Customizado por Sid Mosca - Sid Special Paint
Capacete customizado de Emerson Fittipaldi.

Quando Sid entregou o capacete a Emerson, ele o abraçou e disse que “Só não te beijo porque você é homem!”. Esse momento com certeza foi um dos melhores momentos da história de Sid Mosca!

Sid Mosca e o piloto Emerson Fittipaldi nos anos 70.

PAINTED BY SID-BRASIL

Finalmente o destino de Sid foi traçado. Após o capacete de Emerson, Sid deu início a sua grife exclusiva para a customização de capacetes. Ele começou a colocar a frase “PAINTED BY SID-BRASIL”, e Brasil com S, para que todos os pilotos estrangeiros pudessem ver que os capacetes foram pintados em solo brasileiro. 

Assim surgiu a grife, esse foi o marco para que Sid ficasse conhecido mundialmente por suas artes, já que Emerson era um bicampeão mundial.

Emerson era tão conhecido, que poderíamos facilmente falar que ele fazia parte da “trindade”, pois naquela época, os brasileiros que eram reconhecidos mundialmente eram somente o jogador de futebol Pelé e o cantor Roberto Carlos. Emerson Fittipaldi ganhou reconhecimento mundial com muito mérito, pois era uma fera nas pistas!

Piloto Emerson Fittipaldi

Entrevista com Alan Mosca

Este é o primeiro vídeo de uma série de histórias que Alan Mosca, filho de Sid, e toda a equipe da Sid Special Paint está preparando para vocês.

Assista na íntegra a entrevista onde Alan conta tudo isso, e mais um pouco, sobre a emocionante e inspiradora história de seu pai:

Conte para nós aqui nos comentários sobre o que você já conhecia e o que não conhecida sobre a incrível história do Mestre Sid Mosca!

One thought on “A história da Sid Special Paint: Como tudo começou

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.