O carro HB20 já era conhecido e adorado por todo o Brasil. A partir de Março de 2019, surgiu uma nova modalidade do automobilismo que brasileiro que iria balançar os corações dos apaixonados por velocidade, a Copa HB20.

A Copa HB20 possui um grid diferente. Ele é composto apenas por modelos HB20 da Hyundai, o que torna o torneio mais acessível do cenário nacional atual e faz com que os seus pilotos tenham um menor custo em todas as corridas.

A gestão da Copa HB20 é feita pela H. Racing Garage, empresa fundada por Daniel Kelemen, concessionário da Hyundai e presidente da Associação dos Concessionários da Marca, ABRAHY. A H. Racing Garage é responsável em preparar e manter os veículos de competição, assim como, prestar todos os serviços aos pilotos durante a temporada.

Neste artigo, falaremos sobre as maiores curiosidades sobre essa modalidade novata nas pistas. Vamos nessa? 

Todos os seus modelos são idênticos

Baseados no HB20 R spec, com motor 1.6 e transmissão manual de seis velocidades, os modelos que compõem o grid são rigorosamente idênticos entre si, apresentando desempenho e a segurança exigidos pela marca Hyundai. 

Os carros da corrida foram produzidos na fábrica de Piracicaba – SP em um único lote e posteriormente foram preparados pela equipe H Racing.

A preparação recebida possibilitou o R a “potência máxima de roda”, uma cavalaria 20% superior à original com cerca de 160 cv, o que levou os modelos a ultrapassar os 200 km/h em enormes retas. 

Carro Copa HB20

Dia histórico

Na reta final da sua primeira temporada com a penúltima rodada dupla em Goiânia, a corrida na capital goiana estava inicialmente marcada para abrir a temporada em Março de 2019, mas acabou realocada para o fim do ano, no mês de Novembro de 2019, para que a H Racing, organizadora da Copa HB20, pudesse terminar terminar de fabricar os carros com mais tranquilidade. 

Por conta disso, a Copa HB20 mudou também o ambiente, pois naquele final de semana, a copa aconteceria ao lado da Stock Car e a Stock Light, tendo 32 carros alinhados!

Após 11 provas, Raphael Abbate liderou na Pro com 124 pontos, contra 112 de Diego Augusto, 96 de Adriano Rabelo e 91 da dupla Edgar Favarin/Odair dos Santos, entre os mais próximos. Na Super, a disputa esteve bem mais apertada com Daniel Nino somando 158 pontos, contra 150 de Luciano Viscardi e 147 de Kleber Eletric.

Os primeiros vencedores

Dia 08 de Dezembro de 2019 aconteceu a última etapa da Copa HB20 2019 no Autódromo José Carlos Pace, mais conhecido como Autódromo de Interlagos. 

A prova de encerramento da temporada teve a vitória de Diego Augusto, seguido por Beto Cavaleiro que forma dupla com Breno Borges e Adriano Rabelo. Raphael Abbate cruzou a linha de chegada na quarta posição e confirmou assim o título da classe Pro. 

Luciano Viscardi venceu a corrida na Super, cruzando a linha de chegada em quinto colocado na geral, e conquistou o título da categoria. Kleber Eletric terminou na segunda posição e ficou com o vice campeonato. Daniel Nino ficou com a terceira posição, seguido por Keka Teixeira e Edgar Colamarino.

Você também pode ser um piloto da Copa HB20!

A Copa HB20 vêm conquistando o coração dos brasileiros apaixonados por velocidade. As suas primeiras corridas da temporada, cumpriram o seu papel no automobilismo nacional, e além disso, revelou novos pilotos incríveis. Emocionante, não é mesmo?!

A tendência em 2020 é que a corrida continue crescendo e trazendo mais admiradores para essa categoria. 

Quer ficar atualizado sobre as próximas corridas e até mesmo se tornar um piloto da Copa HB20? Então fique por dentro de todas as novidades sobre a Copa HB20 por meio do site oficial.

Conte para nós aqui nos comentários sobre as suas experiências no mundo do automobilismo! 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.